Pink Surgery voltou, mas dessa vez para bater de frente com Dreamcatcher.

O grupinho da coelhinha ainda não tinha feito muito por mim. Hoje, ouvindo ‘Iriwa‘, eu não sei o motivo pelo qual eu a ignorei. Continua não sendo um hino arrebatador, mas ainda assim é uma farofinha gostosinha e chiclete, do tipo que se encaixa perfeitamente no meu gosto pessoal. Fica aqui meus sentimentos por ter esquecido ela no churrasco.

Agora em 2019 elas resolveram fazer sua contribuição para o verão, mas trazendo algo muito mais dark e sóbrio (assim como vários outros artistas vêm fazendo). Seriam todos esses lançamentos um resultado do hit de ‘Hann‘ do (G)I-DLE no ano passado? Especulações a parte, confiram o novo single do Pink Fantasy.

Eita. Tem muita informação aqui. Calma que não estou nos meus melhores dias de inspiração, então vou colocar tudo em tópicos ao invés de tentar montar parágrafos bonitinhos que fazem sentido.

  • Quanta grana a empresa investiu em plásticas para essas garotas? Estou chocado com as caras mega artificiais de todas elas.
  • Será que faltou verba para fazer as da coelha antes do debut e por isso colocaram uma máscara nela?
  • Esse single tá 100% Dreamcatcher. Mas o grupo que inventou o rock tem clipes bem melhores, mesmo com alguns sendo tão pobres quanto.
  • Esse high note com a mina levantando os braços pra cima, ficou muito com cara de k-pop das antigas.
  • Adorei muito a máscara tingida de preto, ficou incrivelmente creepy e ao mesmo tempo adorável pois amo coelhos pretos, se não olharmos para a boca cheia de presas dela, é claro.
  • Seria muito legal se em um futuro a coelha tirasse a máscara e revelasse que, na verdade, ela é alguma menina já conhecidinha no meio capopeiro. Mas acho super pouco provável, pois se ela fosse conhecida, a empresa a usaria para o marketing, ao invés de deixá-la de máscara.

Bom, é isso. Com as aulas e os estágios obrigatórios voltando ao normal, a frequência e assiduidade do ser que vos escreve será reduzida em 80%. Mas ainda assim pretendo não desistir do blog, fiquem tranquilos quanto a isso. Só vou demorar mais para comentar as coisas que não são lá tão destacáveis assim (em outras palavras, só meus faves vão ganhar posts com um melhor timming).

9 comentários em “Pink Surgery voltou, mas dessa vez para bater de frente com Dreamcatcher.

  1. Em primeiro lugar, AMEI a resenha!!

    Em segundo lugar, Daewang (também conhecida como “a coelha”) rouba tanto a cena que eu nem tinha cogitado a possibilidade das outras integrantes terem feito plásticas entre o MV anterior e esse… se bem que pelo menos as duas main vocals estão com a mesma cara (a única diferença parece ser a maquiagem carregadíssima). Eu ia comentar que a Daewang só não era a idol que mais mudava de rostos porque a Bom existe, mas talvez a zoeira tenha que valer pras coleguinhas dela também.

    Em terceiro lugar, gostei bastante do comeback! Sim, Dreamcatcher faz músicas e MVs melhores nesse gênero roqueira, mas pra um grupo nugu que possivelmente não tem a mesma verba que a agência do Dreamcatcher, acho que o resultado foi bastante satisfatório. E um ponto a se destacar é que as moças cantam pra caramba…

    Por fim, uma curiosidade: apesar de tanto o MV anterior como esse mostrarem o grupo com oito integrantes, o Pink Fantasy agora tem nove: uma das oito integrantes iniciais (a mina de cabelo curto e sorriso lindo da sub-unit flopadíssima do grupo) tá com síndrome do pânico e a agência deu um tempo de licença pra ela se cuidar (tadinha, tomara que ela fique boa; essa síndrome deve ser horrível) antes do comeback, e ao mesmo tempo adicionou outra integrante (a gostosa que começa cantando essa música).

    Vai ser interessante ver como a agência delas vai distribuir as linhas quando todas as nove estiverem presentes, considerando que nessa música nova eles já nem deram linhas pra Daewang (ela tinha linhas em Iriwa, embora nos music shows da vida os versos dela fossem playback por motivos óbvios).

    Curtido por 1 pessoa

    1. Já parou para pendar que a coelha a pode ser a yubin nesse comeback e no iriwa era a seunga, faz sentido elas esterem meio que revezando. Mas também tem a teoria da coelha ser alguma menina da sm

      Curtido por 1 pessoa

      1. Caramba, boa teoria! Se bem que a voz da Seunga não parece muito com a da Daewang em Iriwa… por outro lado, o verso da Daewang era mais falado que cantado, e algumas pessoas têm vozes bem diferentes quando falam e quando cantam (vide a Christina Aguilera).

        Teve toda uma polêmica quando uma integrante brincou que a Daewang só ia aparecer sem máscara quando elas ganhassem um troféu num music show; vários netizens fizeram um escândalo acusando o PinkFantasy de chantagear os fãs pra ganharem em vez de ganhar por mérito (como se fosse mérito um grupo ganhar por ter um bando de fãs desocupados votando sem parar, que é o que mais acontece nos music shows), e a agência teve que esclarecer que a guria não tinha falado sério…

        Enfim, supondo que realmente haja nove integrantes e não oito se revezando em quem usa a máscara a cada comeback, minha teoria seria que a Daewang não é realmente uma idol, e sim uma funcionária da agência que tá ganhando um adicional no salário pra acompanhar o grupo como mascote. Ou uma atriz-modelo-manequim contratada a preço de troco de bala pra essa mesma função.

        Curtido por 1 pessoa

  2. Ah, uma curiosidade sobre o PinkFantasy é que elas talvez sejam o girlgroup com maior diferença de idade entre as integrantes: no debut delas, a mais nova tinha 13 anos (praticamente uma criança – o que derruba a teoria de que a YeoJin não entrou no LOONA 1/3 por ser nova demais pra ir nos music shows) enquanto a mais velha tinha 28 (idade em que normalmente as idols se aposentam da carreira de idol, não a idade em que debutam)…

    Curtido por 1 pessoa

    1. Agora fiquei curiosa pela razão da Yeojin não estar no 1/3….será que foi mesmo aquele treco de ela estar indo mal na escola ou algo assim?? Ou talvez ela ia ser parte do 1/3 ao invés da ViVi, e consequentemente esta estaria no OEC e por isso colocaram ela com um “odd eye” no MV de Love & Live??

      Meu lado teorica biscoiteira aflorou agora kkk

      Curtido por 1 pessoa

      1. Boa pergunta!

        Acho que a teoria de que a ViVi originalmente estaria no OEC é pouco provável; primeiro, porque o OEC é a unit mais sensual e a ViVi tem sensualidade zero (até a GO WON consegue ser mais sexy que ela no MV de favOriTe, por exemplo). Segundo, porque o primeiro teaser do 1/3 já anunciava que a unit seria formada por uma integrante nova e pelas três mais votadas entre as quatro que já tinham sido mostradas até então.

        Por outro lado, essa história de votação é um pouco suspeita, porque a YeoJin era justamente a integrante que mais tinha vendido singles (ou que menos tinha flopado) até então… então não duvido que a BBC tenha forjado a tal votação pra justificar a ausência dela no 1/3 e que o motivo tenha sido o desempenho dela na escola, mesmo.

        Ou talvez o diretor criativo da BBC tenha pensado exatamente em ter uma integrante sem unit pra funcionar como um “coringa” (do tipo: não faz parte de nenhuma unit mas pode aparecer em todas a qualquer momento, enquanto as outras ficariam restritas às próprias units e ao grupo completo).

        Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s