Pacotão: Momoland, Wheein, Dreamcatcher, BOL4, Chungha, IZ*ONE, Seventeen, 3YE, Teen Teen, Saturday, Laboum, MonstaX e Amber.

Nas últimas duas (?) semanas eu venho tendo uma vida adulta bem agitada. O tempo que me sobra, uso para dormir e recarregar as energias, então é bem triste ver pautas mornas que renderiam posts solos guardadas na minha gaveta para jogar todas num pacotão. Mas vida que segue, não é mesmo?

Pink Love – Momoland

Vamos começar pelo novo single japonês do Momoland. Pela primeira vez, as gatinhas resolveram lançar algo inédito, e bem… ‘Pink Love’ tem uma super cara de coisa nipônica, então acho que elas merecem palminhas. Mas como já disse algumas vezes aqui no blog, esse tipo de coisa não casa muito bem com meu gosto pessoal.

Só fico preocupado com o grupo perdendo mais integrantes que o f(x)… metade da magia do Momoland foi embora com as icônicas gatinhas que estão “em hiatus”, e agora a batata quente ficou exclusivamente nas mãos de Nancy e Jooe.

Good Bye – Wheein

Wheein anunciou comeback solo e logo já me empolgou, pois em seu primeiro single entregou um indie-animadinho que me agradou bastante. Mas é uma pena ela ter resolvido roubar uma demo da Solar para usar aqui… Quem sabe da próxima, não?

Breaking Out – Dreamcatcher

Voltando aos atos coreanos lançando coisas no Japão, temos essa ‘Breaking Out’ bem interessante. O grupo se mostra cada vez mais poderoso e eficiente nessa linha chic-crush, será que estamos em uma era de transição do Dreamcatcher, onde elas vão começar a usar cada vez menos rock em seus singles?

Se querem saber, achei essa bem mais legalzinha que ‘Deja Vu‘, mas ainda não é o hino que irá me converter.

Workaholic – BOL4

Méé… mijo pros capopeiros que completaram 30 e se acham “velhos demais” para curtirem um Twice.

25 – BOL4

Méé… mijo pros capopeiros que completaram 30 25 e se acham “velhos demais” para curtirem um Twice.

Fast – Chungha & Mommy Son

Querida, é esse tipo de feat que quero ver tu fazendo. ‘Fast’ é tipo uma daquelas trilhas da copa, só que com uma pegada bem mais coreana por motivos óbvios. Divertidinha e cumpre bem com sua proposta de servir como fundo para minhas caminhadas matinais imaginárias.

Vampire – IZ*ONE

É legal ver que o grupo adotou mesmo esse conceito de “jovens demais para ser sexy, então seremos riquinhas nojentas”. Como já está cada dia mais óbvio que os lançamentos nipônicos delas vão se alinhar às coisas dos grupos 48, esperarei ansiosamente por um comeback coreano (e tomara que não seja uma ‘La Vie en Rose‘ 3.0, porque já enjoei até da original).

Fear – Seventeen

Seventeen acabou mesmo né? Que saudade da viadagem de antigamente.

OOMM – 3YE

Os três projetos de CL conseguiram orçamento para lançar mais uma música. E só digo uma coisa: ESSES COCHICHOS ME DEIXARAM ARREPIADO. Como eu queria vê-las tendo alguma visibilidade, ou mesmo ver o pretorosa lançando algo descarado e sem se preocupar em lacrar com roupinhas, cabelos, atitudes e expressões faciais lugar-comum.

It’s On You – Teen Teen

Deus, vai quebrando toda a maconha que estão colocando no cereal dessas crianças. Mas devo dar o braço a torcer, apesar do clipe super vergonha alheia, a farofinha está bem divertida (se tivesse sido lançada pela unit do Fanatics, eu provavelmente rasgaria a maior seda).

BByong – Saturday

Enquanto o Momoland definha imediatamente após seu sucesso, a nogulândia aproveita para lançar as demos que uma vez o pertenceram. Esse Saturday inclusive já lançou uma versão mais irritante de ‘BBoom BBoom‘, mas agora resolveram apostar em algo ligeiramente diferente, mas ainda farofento e bem mais divertido que todos os singles já citados nesse parágrafo.

Mas pera! Esse grupo não tinha mais meninas? Será que perder integrantes é uma consequência de se lançar farofinhas despretensiosas?

Firework – Laboum

Obrigado Laboum por fazer o violão great again. Por mais que eu não me lembre de absolutamente nenhum outro lançamento delas e nem consigo conectá-las mentalmente a algum conceito/estilo próprio, devo dizer que fizeram lindo nesse novo single delas.

Tá que ‘Firework’ continuará sendo só mais uma música que ninguém vai ligar muito, mas pelo menos irá brilhar em minha playlist (até eu enjoar, claro).

Love U – MonstaX

‘Love U’ começa bem promissora e com um climinha que eu gosto bastante, mas o problema é ela continuar idêntica em todos os seus mais de dois minutos e meio. Faltou pulso para eu comprá-la e tem cara daquelas b-side esquecíveis que o BTS lança desde Love Yourself (?).

Hands Behind My Back – Amber Liu

A vontade de jogar shade na SM e de dizer que eles são uns desgraçados que só puxavam a Amber para trás, fez com que ela esquecesse de fazer algo realmente memorável. Para os que são afetivamente conectados à cantora (ou ao f(x) como um todo), essa faixa deve ter causado algum sentimento, mas em mim passou bem batido.


E é isso aí.

Publicidade

2 comentários em “Pacotão: Momoland, Wheein, Dreamcatcher, BOL4, Chungha, IZ*ONE, Seventeen, 3YE, Teen Teen, Saturday, Laboum, MonstaX e Amber.

  1. Passando só pra avisar que eu nem tinha me interessado em ouvir essa música da Amber, fui ouvir só hoje… e me surpreendi. Caramba, é MUITO BOA! Não tem nada a ver com a sonoridade convencional do k-pop, mas adorei a mistura da melodia melancólica, das batidas e da voz dela.

    O MV é lindo, mas pra mim a música é que realmente brilha (talvez por eu não acompanhar as polêmicas e os grupos da SM tão de perto pra me importar em amar ou odiar a agência).

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s