TOP100: As melhores músicas de 2018 – 32°~11°

Na penúltima parte do meu TOP100 de 2018, vocês vão encontrar o puro creme do milho. As músicas aqui são incríveis e duraram muito tempo entre as minhas favoritas, mas por ironia do destino e por mérito de outros artistas, elas acabaram cedendo suas posições altas e morreram antes do TOP10.

32° Starry Night – Mamamoo

Na minha opinião, a melhor do Mamamoo em tal ano pode acabar decepcionando alguns de vocês. Eu sei que ‘Starry Night’ não tem NADA de inovadora e poderia ser cantada por qualquer artista feat algum DJ famoso. Porém os vocais das meninas somaram muito ao resultado final e elas puderam usar suas vozes de veludo com vontade. E a RBW foi bem inteligente na hora de pegar um local paradisíaco e abusar das cenas aéreas.

31° Shine – Pentagon

DO NADA os meninos da Cube lançaram o maior hit de suas carreiras. ‘Shine’ é debochada, divertida e descompromissada, com uma letra muito legal sobre um menino apaixonado por alguém que é muita areia pro seu caminhãozinho.

É uma pena que eles nunca souberam o que fazer com sua carreira, lançando singles de diferentes conceitos desde o debut (oi CLC). E ainda tiveram toda aquela polêmica do namoro de E’Dawn e HyunA, fazendo com que a Coreia desistisse deles.

30° Save Me, Save You – WJSN

Aos que estão comparando meu TOP semestral com essa atualização aqui tem alguém fazendo isso?, vão levar um susto com essa aqui. Eu ignorei horrores ‘Save Me, Save You’ no ano em que foi lançada (não lembro se cheguei a ouvir prestando atenção, naquela época), porém hoje em dia amo com todas as minhas forças.

O WJSN é muito saturado de integrantes, possui muitas meninas com timbres parecidos e nunca tinha lançado algo que funcionasse comigo. Mas eu adorei em como a Starship pegou a imagem delas e colocou um pouco mais de força para esse lançamento. A parte da coreografia que elas desfilam juntas em direção à câmera tira meu fôlego.

29° Thank U Soooo Much – Yubin

Yubin foi uma das poucas ex-integrantes do Wonder Girls a ficar na JYP, aproveitando então para usar as demos de seu antigo grupo em uma carreira solo. Isso foi ótimo por nos trazer essa delícia de ‘Thank U Soooo Much’. O clipe inspirado em filmes antigos de Sci-Fi ficou lindo, os figurinos impecáveis e ainda tivemos a rapper botando seu vocal pra jogo, numa interpretação muito acima da média. Uma pena ela não ter lançamentos mais frequentes.

28° #Cookie Jar – Red Velvet

Red Velvet queimou a largada em 2014 lançando aquele clipe com imagens de momentos desastrosos no Japão, o que atrapalhou/atrasou o debut das gatas neste país. Por um lado, eu agradeço a exclusividade na Coreia, já que não curto muito o  idioma japonês (fiquem vendo eu me contradizer no TOP10). Mas até que eu gosto bastante de ‘#Cookie Jar’.

O clipe é simples e tem uma aparência meio barata para coisas que o grupo costuma soltar, porém a história junto da coreografia deixaram tudo bem divertido.

27° Woman – BoA

Uuiii que delícia (leiam com voz de Inês Brasil)!!!! O ápice de seu álbum, com certeza foi o single. Nossa querida BoA sabe que é uma figura de respeito na Asia e aqui mostra toda sua elegância e força, com uma música empoderadora. Não só isso, ainda esfregou na cara de toda a nova geração quem é a verdadeira performer dessa bagaça. Pouco importa quem faz sucesso atualmente, sempre tenham em mente que BoA, colaborou muito mais para pavimentar essa estrada que qualquer outro artista (since 1999).

26° Our Page – SHINee

Encerrando a trilogia de EPs do SHINee, recebemos esta baladinha que pouco mudaria nossas vidas, caso viesse em um momento diferente da carreira deles. Se anteriormente eles brincavam com a mistura das batidas animadas e vocais tristes, em ‘Our Page’ eles se afundaram na depressão para se despedirem de seu amado colega de grupo.

Eu sei que a música em si não é nada demais, porém o sentimento que ela me causa é absurdamente forte (mesmo eu nem sendo fã do grupo). Choro em 80% das vezes que dou play.

25° What Is Love? – Twice

Essa ainda é da época em que o Twice repetia sua fórmula bubblegum mensalmente, mas é a minha favorita dentre elas. A música não cai no tédio e é muito animada, com o rap sendo perfeito. Sobre o clipe, acho uma grande puxação de saco dos cinéfilos, apesar de super bonito e com um orçamento absurdo.

24° Pinocchio – Taemin & BewhY

Os Taemin fãs, foram muito mal servidos pelo cantor em 2018. Estavam todos empolgadíssimos após a perfeição de ‘Move‘, mas tiveram que se contentar apenas com a participação dele no The Call. Eu não sei de onde surgiu essa ‘Pinocchio’ e o motivo de sua existência. Só sei que é boa demais e o menino de ouro da SM segue servindo o melhor sexy-concept mesmo vestindo um terno do pai dele.

23° Dally – Hyolyn

Falando em sexy-concept, Hyolyn botou a raba para jogo e chocou todos que achavam que ela seguiria lançando só baladinhas igual ‘To Do List‘. Mas ‘Dally’ é o R&B que não imaginávamos vindo dela, com uma coreografia que só a gata faria. E mesmo ela sendo uma pessoa podre (segundo todos os relatos de bullying que já saíram até hoje), não consigo ficar sem ouvir suas músicas.

22° favOriTe – Loona

Não satisfeitas com dois anos de pré-debut, Loona ainda lançou um single dias antes do oficial para tentar conseguir mais algum buzz. Acabou que ‘favOriTe’ é muito melhor que o aegyo da estreia e acho que ainda atrapalhou um pouco as coisas, pois coreano gosta de consistência nos lançamentos.

Mas falando do girlcrush aqui, adoro em como as meninas sobrepõem seus vocais, arrasam com um visual melhor que o outro, mesmo estando de uniformes escolares e ainda mostram toda sua força e sincronia na coreografia.

21° Something New – Taeyeon

Apesar de ‘Something New’ não ser bem promovida e acabar se tornando um dos singles/álbuns menos famosos da Taeyeon dos últimos anos, acredito que seja muito importante para marcar a nova ótima fase que ela começou. Essa pegada de garota fatal e autossuficiente contrasta muito bem com a imagem mais fofa que a gata possui. E o vocal casa incrivelmente bem.

20° Secret Garden – Oh My Girl

Outra inédita no meu ranking, aparecendo mais alta que sua fave (rs). Eu sempre ignorei o white-aegyo independente de onde ele vinha, porém ao longo do tempo, o teencrush foi tomando conta da cena capopeira e eu passei a dar o devido valor a esse que estava saturado na época.

Amo como a aura de ‘Secret Garden’ é capaz de recarregar as energias de quem a ouve. É basicamente um filme de superação resumido em uma música. Principalmente se levarmos em consideração que foi com ela que as meninas conquistaram seu 1st win.

19° Oh! My Mistake – April

April também é dono de um ótimo conceito fofo daquele ano. Ficou sensacional a maneira que casaram o instrumental retrô com as partes faladas no refrão e a bridge consegue ser maravilhosamente gostosa. Apesar disso, acredito que as meninas mereciam um clipe ligeiramente mais elaborado, pois esse aí de cima não me agradou muito.

18° I Will Leave – Red Velvet

Para minha surpresa, um dos melhores lançamentos do Red Velvet em 2018 foi, na verdade, um cover realizado em um quadro do Sugar Man 2. ‘I Will Leave’ é uma música coreana das antigas, que fez muito sucesso entre os baby boomers (vide as tiazonas dançando na plateia). E as boleiras transformaram em algo que se encaixa perfeitamente no lado velvet de sua discografia, assim como muitos anos atrás com ‘Be Natural‘.

17° love4eva – YYXY (Loona)

A melhor música do Loona em 2018, foi ironicamente a mais genérica. ‘love4eva’ é mais uma das trocentas cópias de ‘Gee’, mas até hoje é minha favorita, superando até mesmo a original. As batidas frenéticas e a dancinha baseada em pulinhos já são padrões desse tipo de lançamento, sendo que a única inovação aqui foi o clipe bem sombrio e com uma história um tanto quanto creepy.

16° Spotlight – Pristin V

Pristin V dando as caras novamente com sua incrível b-side. ‘Spotlight’ é uma delícia sexy-chique com as cinco mostrando que são um line-up perfeito com seus vocais que se destacam individualmente e se complementam ao mesmo tempo. Esse clipe com a performance lançado pela empresa, também ficou muito bonito devido a coreografia ótima delas.

15° I’m So Sick – Apink

Um dos acontecimentos mais loucos do k-pop na década passada foi todas as integrantes do Apink renovando seus contratos, mudando completamente a imagem do grupo e sendo exaltadas por seu público conservador. Eu não sei de quem foi a ideia de amadurecer elas, mas adorei. ‘I’m So Sick’ é uma delicinha bem viada, onde os fãs pedófilos finalmente puderam soltar sua franga interior.

13° La Vie en Rose – IZ*ONE

O Farsa48 chegou ao fim com o pior line-up que poderia existir, se levarmos em consideração todas as combinações possíveis no final do programa. Mas pelo menos eles tiveram a decência de dar uma música boa para o debut das gatinhas (se as empresas compraram as vagas delas, foi porque mereceram rs).

‘La Vie en Rose’ poderia ser o hino do ano caso fosse cantado por timbres mais variados e/ou graves? Poderia! Mas aí eu não teria todo o entretenimento de meter o pau no IZ*ONE.

12° Roller Coaster – Chungha

Em sua jornada rumo a conseguir uma vaguinha entre as divas da Coreia, Chungha foi entregando em cada comeback diversos hinos para as viadinhas rebolarem na balada. ‘Roller Coaster’ é um dos melhores singles com essa pegada gay, entregando um instrumental complexo (tem até batidinha de arcade nessa bagaça), vocais melódicos e uma coreografia magnífica.

11° Bae – Hyolyn

Beirando o TOP10 temos Hyolyn e sua segunda tentativa de hitar no verão. Ela foi safadíssima em ‘Bae’ e nem disfarçou que estava roubando uma demo do finado Sistar. Sério, tem até o conversível com as amigas, o rap da Bora e as cenas gravadas contra o pôr do sol. Não o bastante, ainda fez uma poc fingir heterossexualidade para ser o par romântico dela. Icônica.


O que acharam até agora? Discordam ou ficaram chocados com algo aparecendo entre minhas 100 favoritas? Se tudo correr bem, amanhã solto a última parte com minhas 10 favoritas. Fiquem atentos!

{100°~78°}{77°~55°}{54°~33°}{32°~11°}{10°~01°}


Spoiler 1 do TOP10: são 5 faixas de girlgroups, 4 faixas de solistas e 1 boygroup. Quem será que é o azarão no meio de todas as deusas?

Spoiler 2 do TOP10: um dos artistas conseguiu emplacar dois singles entre minhas dez favoritas. Algum palpite de quem são e de quais faixas se tratam?

9 comentários em “TOP100: As melhores músicas de 2018 – 32°~11°

  1. Do que lembro de você reclamando no meu ranking e sem olhar os posts antigos (estou com preguiça), aqui vão meus palpites:

    BoA – Jazzclub
    Hyolyn – Mala Bula Bala Bae
    Sunmi – aquela lá que ela fica gemendo e tem a gaiola no clipe
    Yubin – Lady
    EXID – Lady
    Red Velvet – Power Up
    Red Velvet – uma das album tracks do RBB
    fromis_9 – Love Bomba
    BTS – DNA é desse ano ou é aquele troço lá com a Nicki Minaj?

    Curtido por 1 pessoa

    1. Digamos que você tenha acertado cinco. E esqueceu a mais óbvia de todas hahahaha

      Obs.: DNA é de 2017 e eu nem ouso colocar aquela com a Minaj, pois só tenho coragem de ouvir escondido de todos.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s