Aespa se perde no personagem e consegue ser mais irritante que o Blackpink.

Aespa nasceu no ano passado como forma de tampar a polêmica que quase destruiu a carreira da Irene. Da mesma forma que o próprio Red Velvet também debutou as pressas para tentar esconder escândalos de seus sunbaes. Porém as semelhanças entre os dois param por aí, pois a recepção do público para o quarteto foi bem diferente das boleiras. A qual já garantiu um smash hit com ‘Next Level‘ e um EP que choveu de vendas antes mesmo de estrear.

Infelizmente, como já foi provado pelo Blackpink e até pelo NCT nesses últimos anos, nem sempre o sucesso vem junto de músicas agradáveis. Muitas vezes é só o hype que faz tudo mesmo…

O que mais me incomoda no Aespa como grupo, nem é o grupo em si, já que a formação é bem ok seria mais redondinho com mais umas 3 meninas mas tudo bem. Já as músicas… não posso dizer o mesmo.

Black Mamba‘ é o melhor single até hoje, mesmo sendo um girlcrush básico 101. Às vezes, o arroz com feijão alimenta muito mais que um suflê de batata salsa com purê de manga. Suflê de batata salsa com purê de manga, este, que define perfeitamente ‘Next Level‘, o maior hit delas até então. Que não é ruim, mas também não é boa e consegue falhar mais que o próprio debut.

Ah! E tem o copo de água com gosto de cebola que os fãs juram ser O acontecimento, mas nenhuma visita tem coragem de beber mais de um copo.

Já a nova música, linkada aí em cima, só é uma grande panela de feijoada rançosa com carne podre. ‘Savage’ falha em TUDO o que se propôs. Não conseguindo ser o girlcrush de qualidade. Muito menos uma versão atualizada e/ou melhorada dos seus singles anteriores. É só a SM pegando todos os sintetizadores horrorosos do NCT e enfiando em 4 minutos.

As meninas que lutem pra cantar em cima dessa bateção de panela. Tiveram seus vocais extremamente eclipsados em alguns trechos, tamanha explosão dos malditos sintetizadores. E o clipe? Totalmente perdido no conceito. A SM está querendo tanto vender esse mundo virtual que passou a atirar para todos os lados. Mudando até mesmo a estilização das bonecas para algo mais com cara de Winx mas pelo menos nessa versão a empresa teve a decência de fazer as bonecas parecidas com as meninas.

E se você vier com “ain Gosto Meu na verdade aquelas Winx são as próprias meninas em outro universo“… então eu darei uma gargalhada ainda maior, pois a SM não só socou no c* a estilização original delas, como também copiou o enredo de Encantada.

Fiquem com Deus e cuidado para não terem pesadelos com a Naevis.

Já é outubro, né? Esqueci de fazer a playlist de setembro, mas juro que antes do dia 15 eu ainda posto ela. Não desistam de mim.

Gosta do conteúdo do site? Ajude esse blogueiro a pagar a marmita doando qualquer valor no PIX, com a chave: gostomeu18@gmail.com. Se quiser, também pode encomendar posts e patrociná-los! Apenas lembre-se que alguns conteúdos são mais complexos e difíceis de serem escritos que outros, então faça uma doação consciente ♥

Publicidade

19 comentários em “Aespa se perde no personagem e consegue ser mais irritante que o Blackpink.

  1. “já que a formação é bem ok seria mais redondinho com mais umas 3 meninas mas tudo bem”

    Depois de ver esse MV mais recente, discordo. Se com quatro pessoas já fica essa sensação de massificação em que em certos momentos a gente já nem lembra quem é quem (isso porque elas nem são fisicamente parecidas), imagina com sete…

    É meio triste isso; o lado bom de um grupo pequeno é que ele facilita explorar a individualidade de cada membro, dar uma identidade pra cada um, igual nos anos 90 com as Spice Girls (a patricinha, a tomboy, a piriguete…) e boygroups como Backstreet Boys e NSYNC (o galã, o tiozinho, o que parece cafetão…). Mas a SM tá fazendo exatamente o contrário com o aespa; as versões virtuais transmitem mais individualidade que as idols de carne e osso propriamente ditas. Arrisco dizer que, se trocassem o penteado, o figurino e até os versos entre as integrantes, não ia fazer diferença NENHUMA…

    Curtido por 1 pessoa

    1. Eu acho que isso é muito culpa de enfiarem a Karina a cada 2 segundos na tela.

      A gente fica achando que são outras meninas, mas é sempre a Karina só que com roupas diferentes…

      Curtir

      1. Eu ia dizer “a nossa Beyoncé”, mas até a Beyoncé a partir de meados da era Survivor começou a dividir melhor o tempo de tela e de música com as colegas do Destiny’s Child.

        Curtido por 1 pessoa

  2. Se fosse um tempo atrás eu concordaria com tudo mas infelizmente fui aespazada e agora eu amo todos os 3 hits inclusive Savage. O refrão é bem louco e eu vou me matar dançando essa música com certeza. Virei massa de manobra da SM, gostou dessa

    E Savage desceu bem mais rápido pra mim do que Next Level (que eu detestava e agora acho razoável). Comecei a gostar de Next Level depois que achei um revamp no youtube (https://www.youtube.com/watch?v=SCQvbvY4N_M&ab_channel=ZSunder) que tem um refrão melhor e um drop muito maravilhoso. Pra mim essa Savage é uma música do Blackpink que deu certo, o Teddy com certeza ia amar esse refrão esquizofrênico.

    Mas vou ter que concordar que essas boneca virtual são chatas e não servem pra nada, totalmente jogadas ali sem nenhum sentido #forabonecasdoaespa

    Curtido por 1 pessoa

  3. Esse single me fez perceber que eu sou a pessoa mais hipócrita do mundo, pois dá pra perceber o cheiro de NCT em Sevage e eu absolutamente AMEI mas com certeza só porque foi o æspa que lançou, se fosse o próprio NCT eu teria odiado KKKKKKKK
    Nem eu entendi, mas pra mim é o melhor single delas até agora. E sim, irrita um pouco o excesso de Karina, mas a SM sempre tem sua favorita, né? Taeyeon, Irene e agora ela… enfim. Cadelizei horrores pra minha bias vulgo Winter, mesmo meu cérebro gritando que ela nasceu para ser loira e esse cabelo preto curto é bem qualquer coisa

    Curtido por 1 pessoa

  4. A música não é girlcrush, ela tem referências (basicamente boa parte dela) de hyperpop, que são os instrumentais em sintetizadores pesados e as vozes com bastante autotune, porque TODAS (nesse caso não existe exceção) as músicas de hyperpop são assim, é a característica do gênero, ser um batidão de panela que frita miolos, só que de uma maneira EXTREMAMENTE mais exagerada que o girlcrush no k-pop.

    É claro que quem não tem contato com o gênero ou é não tem lá o gosto muito eclético (porque existe gosto para tudo, né), não vai gostar da música do Aespa e tá tudo bem, só acho que a comparação com o Blackpink sem sentido pelo o que eu coloquei ali, são propostas diferentes entre as músicas de cada grupo. Na realidade, as músicas desse comeback do Aespa só dá para comparar com as últimas músicas da Hyuna (que não chega a ser beeem hyperpop, mas se assemelha),já que a proposta é ser o que eu mencionei ali.

    Num geral eu não tenho o que criticar do comeback do Aespa, porque eu AMO quando grupos saem fora da casinha para lançar umas bagaceiras como essa sem medo de se arriscar, além que o material que o Aespa trouxe até aqui mostra que elas são muito promissoras, não ao olho de boa parte da blogosfera k-popper, mas para quem é de boas em questão de saber aproveitar as músicas sem toda esse lado crítico (que às vezes beira ao chato de tão a sério que levam), pode aproveitar bastante os futuros lançamentos do Aespa.

    Curtido por 1 pessoa

    1. Só para exemplificar, o girlcrush surgiu no k-pop com a premissa de fugir das letras básicas dos girlsgroups de k-pop que só falavam sobre amor conjugal (não se é esse o termo correto, mas seria basicamente um casal de namorados e tal), aí as letras são basicamente sobre como as mulheres não precisam de homens para amar, podem amar a si próprias, aquela coisa da auto estima lá em cima, sabe? Ou dá para chamar isso de ITZY também, enfim… O girlcrush não é bem um estilo de música (que seria os instrumentais e vocais), é o que eu tentei resumir ali, tudo o que foge desse tipo de letra, não se caracterizaria como girlcrush, só um batidão de panelas mesmo, aí esses batidões podem acabar tendo diferenças entre si de acordo com a sua referência, no caso do Aespa, a referência é hyperpop, então é de se esperar algo exagerado mesmo.

      Curtido por 1 pessoa

      1. Esqueci de mencionar que as letras das músicas do Aespa são basicamente sobre o universo criado pela SM, então é esse o motivo que não as caracterizam como um girlcrush de fato.

        Curtido por 1 pessoa

  5. Quando vi a parte com as animações também lembrei das Winx haha e essa parte ficou completamente deslocada do resto do MV. Já tá na hora da SM ter um pouco mais capricho com esse universo toscão do Aespa.

    Curtido por 3 pessoas

    1. Primeiro lançamentos ruins da lisa e do stayc, agora loona pode dar disband e weki meki sumido parece até a somi e eu ainda gastei uma 1 hora assistindo o ep 9 que eu não vou dar muito spoiler mais é basicamente dayeon e a mãe dela ft girls planet 9999 kkk. Enfim lançamento horrível não gostei da musica o cenário tava todo doido a letra mais ainda uma hora tava falando de sei la oque aí pular para falar de uma coisa sem sentido( eu vi um comentario no YouTube que o maior defeito da sm é porque ela começa uma história e depois não sabe finalizar e eu concordo super) enfim sobre as meninas
      Karina- estava linda ainda teve um bom rap e foi bem na nota alta só não deito nela porque odeio o favoritismo que a sm da nela como se ela fosse a melhor do grupo ( má minha opinião existe outra) e é por isso que eu não consigo engolir ela que nem a dayeon no girls planet
      Gisele- a música é basicamente de rap é me lembra muito uma música ocidental que eu não curto nem se me pagarem 1.000 reais( só se fosse um milhao) então a Gisele salvou a música e é só isso mesmo
      Winter- só acompanho o grupo por causa dela mesmo mais sm por favor bota ela no cabelo loiro de novo. Bom ela é uma linda e sabe mostrar isso quando tem tempo de tela, ela também é uma ótima dancarina e uma ótima vocal na minha opinião a única ace do grupo mais não sei se a sm vai aproveitar a menina de ouro que eles têm
      Ningning- ótima vocal e dança estável também

      Curtido por 2 pessoas

  6. eu gostei da música e acho que mesmo se fosse cantada pelo NCT, eu iria gostar. #LutoporNævis (que aliás tá a cara da Sakura, pelo menos ela ganhou cirurgias plásticas tão boas quanto as da Myawaki)

    Curtido por 1 pessoa

  7. O que mais me irrita nessa música é a batida, nenhum grupo nunca levou a expressão “batendo em panelas” tão a sério. literalmente parece alguém batendo em panelas com uma colher de bambu.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s