Pacotão guurrl: bugAboo, Wonho, Pixy, Kang Daniel, IVE, Yuna Kim, KARD, Charlie Puth, Jungkook, Chungha, Sunmi, WJSN e Irris.

Último pacotão dessa leva de músicas lançadas até ontem. Neste aqui temos faixas muito legais e crocantes, que me viciaram desde o dia do lançamento ou… alguns dias depois. Mas hoje em dia eu grito “guuurrrlll” toda vez que caem no aleatório aqui em casa.

Pop – bugAboo

Cara, essa farofa aqui está terrivelmente BOA!! Eu não estava esperando pelo bugAboo voltar no tempo e entregar um pancadão da era de ouro do k-pop. E o refrão duplo deixa o resultado final ainda melhor, porque ela parece ser uma música decente até as gatas começarem a gritar “plé plé plé plé” e eu sentir vontade de rebolar com as pernas abertas junto com elas.

Crazy – Wonho

Wonho fez mais um retorno e segue entregando esses números de boate gay crocantíssimos. E eu adorei, principalmente, porque dessa vez ele botou esse vozerão X pra falar umas palavras no fundo. Sério, o brilho de ‘We Can’t Stop‘ está nesse vozerão e aqui não foi diferente. E cruzes… esse clipe com o cantor explodindo de T… Deus me livre mas quem me dera dar um tapão nesse Pão de Açúcar que ele chama de peitoral.

Villain – Pixy

Olha, essa música aqui eu ainda estou decidindo se gosto MESMO ou se os produtores se perderam um pouco no “experimental“. Por outro lado, esse clipe é exatamente o que a SM gostaria de fazer com o Red Velvet mas fica com medo da retaliação. A MINA DÁ UM TIRO NA TESTA DA AMIGA E ELES MOSTRAM O CRÂNIO EXPLODINDO DE SANGUE. Ou seja, vou continuar dando uma chance pra música só pela audácia do clipe.

Move Like This – Kang Daniel & An Yujin feat Yuna Kim

A Starship ama uma parceria com bebidas para lançar músicas inéditas. E longe de mim reclamar, pois já foram diversas as vezes onde eles entregaram músicas muito boas em um projeto que promete tão pouco quanto esse. Gotei muito dos contrastes de timbres entre Daniel, Yujin e Yuna. O clipe está uma gracinha, entregando algo divertido e sexy ao mesmo tempo. VAMOS TODOS MALHAR GALERA!

Ring The Alarm – KARD

Um retorno muito inesperado, para mim, foi o do KARD. Se não me engano a Somin esteve envolvida naquele caso das meninas do April, mas pelo visto a DSP se fez de sonsa para não ficar sem grupo nenhum. Daí o Zézinho voltou do exército e cá está o quarteto com um single novo. Não só isso, como eles resolveram abandonar as demos do Blackpink e voltar às origens. Ou seja, estou amando cada segundo desse momento e os quatro também parecem muito felizes. E eu fico PASMO em como esse grupo é GOSTOSO. São quatro pessoas completamente diferentes que te fazem apaixonar por todes.

Left And Right – Charlie Puth feat Jungkook

Falando em paixão… Jungkook é meu muso do k-pop. E se bobear, lá em 2017 eu só dei uma chance pro k-pop em si por causa dele vestido em uma roupa de policial em ‘Dopevamos fazer de conta que não escrevi essa frase. E eu já falei que ele pode continuar lançando essas coisinhas românticas estilo ‘Euphoria‘ na carreira solo que vou deitar para todas. Aqui em ‘Left And Right’ não foi diferente.

California Dream – Chungha

Depois que Chungha abriu a boca e expos a empresa por boicotar seus lançamentos, a gata está aí caminhando para lançar seu segundo LP da carreira. Com isso, cantou essa faixa inédita no festival de verão da Coreia. E eu não poderia ter amado mais. Ela está servindo muito diva-pop-veranesca-anos-2000. Por mim poderia ser o single que estava satisfeitíssimo.

Heart Burn – Sunmi

Outra que já estava muito tempo sumida nas minhas playlist era Sunmi (sumi rs). A gata saiu de uma sequência de músicas imbatíveis, para depois soltar umas que nem lembro mais da existência. Agora vejo ‘Heart Burn’ como o renascimento dela e minha playlist. A música é MUITO boa e a viúva negra aí entregou um clipe cativante e creepy do jeito que só ela é capaz de fazer.

Last Sequence – WJSN

WJSN saiu vencedor do Queendom (lembram desse surto coletivo?) e enfim fez seu primeiro comeback. ‘Last Sequence’ não é o maior bop de 2022, mas ainda assim eu curti bastante e ela parece crescer em mim a cada ouvida. É uma música feita para os gays, igual as do Apink pós-revamp (baita elogio esse, vai?). Ela me parece uma versão madura de ‘Save Me, Save You‘.

Wanna Know – Irris

Lembram no pacotão das bombas onde eu disse que o XG tentou fazer uma música do Fifth Harmony e o resultado ficou muito ruim? Pois o Irris, que se chamava RedSquare, resolveu mostrar como é que se faz com esse bopzão aí de cima. Os versos são super melódicos e te deixam muito curioso para ouvir o que vem em seguida, daí elas servem um refrão grudento e cheio de gritos. E até quando a faixa desacelera, não cai no marasmo e também não faz cortes bruscos. Uma delícia.

Gosta do conteúdo do site? Ajude esse blogayro a pagar a marmita doando qualquer valor no PIX, com a chave: gostomeu18@gmail.com. Se quiser, também pode encomendar posts e patrociná-los! Apenas lembre-se que alguns conteúdos são mais complexos e difíceis de serem escritos que outros, então faça uma doação consciente ♥

4 comentários em “Pacotão guurrl: bugAboo, Wonho, Pixy, Kang Daniel, IVE, Yuna Kim, KARD, Charlie Puth, Jungkook, Chungha, Sunmi, WJSN e Irris.

    1. Quanto ao WJSN, o show especial que elas ganharam na Mnet deu resultado: o EP delas já é o mais vendido da carreira do grupo… e só teve quatro dias de vendas até agora.

      Por sinal, a Mnet colocou os vídeos desse show no canal dela no YouTube. Achei a seleção de repertório muito boa: teve as duas units, teve as duas main vocals fazendo dueto como uma terceira unit não oficial, teve “Save Me, Save You” (que pra mim é a música da carreira delas)…

      Parece que o single não está indo muito bem nos charts, mas acho que elas vão conseguir alguns trofeuzinhos em music shows. Uma pena pro Viviz, que fez comeback na mesma semana.

      Curtido por 1 pessoa

  1. O KARD veio bom demais na minha opinião. Quando Ring the alarm começou, achei q fosse ser o tropical house 101 deles, mas vai bem além, é como se eles pegassem a marca assinatura do grupo e adicionasse um extra. Fora que o ep é um dos melhores, todas as músicas me agradaram, desde a que era pra ser o solo da Jiwoo, até a fofinha toda em inglês.

    Enfim, não esperava rasgar tanta seda pro KARD, mas eu sempre vou ter um carinho pelo grupo que me trouxe pro kpop lá em 2017.

    Curtido por 1 pessoa

  2. Eu tô simplesmente vivendo pra esse full álbum da Chungha, pois a mami com certeza vai me entregar tudo o que ninguém mais me entrega enquanto meus favs retornam do exército…
    E sobre o JK (o único desses que me dei o trabalho de ouvir) não gosto muito desse lado pop dele. Algo dramático como Stay Alive torna mais legal e aproveitável a mania irritante dele de SEMPRE sacrificar técnica vocal pelo estilo de cantar

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s